segunda-feira, 15 de dezembro de 2014

Projeto mamãe saudável! - Começando

Postado por Erika Gomes às 17:32 0 comentários
Oláá! Essa semana lá na página do blog comentei que quero MUITO falar de um tema um pouco polêmico por aqui, mas no meio de tanta coisa para falar sobre esse tal assunto (surpresa!) vou me organizar melhor e pretendo falar sobre ele semana que vem (talvez até em vídeo, quem sabe..).
Ah, e o blog está passando por "reformas" no layout, ignorem a bagunça e cheguem mais ♡.
Decidi que vou falar sobre um outro assunto que não sai da minha cabeça: emagrecer! Quando engravidei pesava 55kg, como contei em um dos primeiros posts por aqui, emagreci 5 kg nos primeiros meses, mas depois fui voltando ao peso normal. Até no dia do nascimento do Leo ter chegado a 63kg (um ganho de 8kg!). Claro, tem mulheres que engordam muuito mais, mas por eu não ser tão alta, qualquer ganho de peso já é aparente, e antes de engravidare u já não estava lá aquela coisa de feliz com meu corpo, rs.
Depois dele ter nascido, uns 20 dias depois, eu estava com 53kg. Beleza, amei, chorei de emoção, fiquei impressionada e dando aleluia (haha). Mas ainda estava meio inchada, mas o que eu esperava né, só 20 dias que o Leo tinha saído daqui...
Fui amamentando, bebendo muita água e comendo muito! Amamentar dá um fome de uns 20 pedreiros (sério kk). Ainda mais no começo, parece que toda água do nosso corpo vai pro leite, até minha pele ficou meio ressecada, mesmo bebendo água o tempo todo, mas com o tempo foi melhorando e a produção do leite já se adequou com o que ele precisa. Agora, com o Leo com quatro meses, me pesei e estou com 58,"e poucos"kg (oi?). Pode não parecer muito, mas meu corpo mudou bastante depois do parto (claro, de novo rs), e mesmo estando a apenas 3kg do meu peso normal, parece que preciso perder bem mais! Especialmente na barriga, onde mais mudou...

"Coma direito. Se exercite. Continue."
O problema é que eu nunca fui de fazer exercícios, ao contrário, sempre fui "semi" sedentária. Depois que o Leo nasceu então, quase nunca saio de casa. E decidi além de emagrecer, me alimentar melhor, afinal, não adianta se exercitar e ficar comendo um monte de besteiras. Também quero mudar minha alimentação por causa do Leo, não quero servir como influência para ele comer errado e um monte de tranqueira para acabar sofrendo depois com as consequências disso!

Decidi começar de um jeito "leve". Vou fazer caminhada com o Leo no carrinho, durante a manhã. Na alimentação largar o refrigerante (que eu amo!),continuar bebendo bastante água, comer de 3 em 3 horas e etc. Decidi me comprometer em postar pelo menos umas duas vezes por semana receitas aqui. Uma coisa que sempre gostei foi comida vegetariana/vegana,então vou aproveitar bastante disso, nunca fui daquelas que odeiam verduras então é um ponto bem legal pra me ajudar. Por outro lado sou viciada em doces! Mas vou procurar o máximo possível trocar por outras coisas.

Falando em doces, não sei o que fazer sobre eles, tem gente que faz aquele de "dia do lixo" (escolher um dia da semana para comer o que quiser) mas acho que influencia a sair do foco da alimentação. Tentarei ao máximo substituir os doces por outras coisas e "me enganar" um pouquinho, vamos ver como será haha. 

Também combinei de ir com uma amiga fazer algumas caminhadas, ajuda a incentivar e deixa mais animado até, a gente vai conversando e quando vai ver, já fez o percurso todinho. Vou atualizar no meu insta também (@erika_benesi), acho que quanto mais compromisso eu tiver com o blog em relação a isso, terei menos espaço para preguiça!

Espero que curtam esse tipo de atualização por aqui e, mais ainda, que eu consiga emagrecer! Haha. 
Beiiijos e até o próximo post

segunda-feira, 1 de dezembro de 2014

Nosso sumiço e os três meses

Postado por Erika Gomes às 18:42 0 comentários
Oi gente! Bom, sumi um pouco, eu sei (de novo). Muitas coisas tem acontecido, fico o dia todo com o Leo e perdi um pouco o foco com o blog. Mas agora esrou fazendo muuito planos pra voltar aqui com tudo! Agora além de falar coisas do Leo e "de mãe" quero falar sobre mais coisas. Tipo do post sobre cronograma capilar e o que achar interessante, o que acham? Vou me organizar direitinho sobre isso e logo logo posto novidades ♡.
Hoje vim contar sobre o Leo! Dia 07/12 ele já vai fazer quatro meses!!! Passou muito rápido, ele está todo gordinho e fofo demais! Super esperto e lindo (corujona sim) haha. Agora ele já fica bem mais tempo acordado durante o dia e interage muito com a gente. Fica "falando" fazendo "uuu" e dando gritos. Tenta colocar as coisas na boca e presta atenção e sorri quando falam com ele. Estou apaixonada! A cada dia que passa fico mais e mais. Quando trocamos fralda é uma guerra! Ele fica tentando rolar pro lado e se estica todo kk. Agora preciso ficar super esperta com ele, outro dia deixei ele no tapetinho, me destraí por nem um minuto e quando olhei ele estava assim! E quando coloco ele de bruços ele fica fazendo "mini flexão".
Por causa da cama compartilhada ele tem dormido praticamente a noite toda. Dorme meia noite e acorda 6 horas, só da umas resmungadinhas e já acordo, ele mama ainda de olhos fechados e já dorme de novo até  as 10 (delicia kk). Colocar ele pra dormir conosco foi a melhor coisa que fizemos! No começo eu tinha medo de amassarmos ele, e da história de que amamentar deitado da infecção no ouvido (o que é mentira..). Mas agora é só amores. Dormimos bem melhor e quando deitamos na cama ele já sabe que está na hora de dormir pra valer rs.
O Leo não chupa chupeta nem nunca mamou na mamadeira, amamento exclusivamente e em livre demanda (quando ele quer). E ele está enorme! Essa semana fomos na pediatra e quando pesamos, ela ficou com a maior cara de "OMG"! Ele está com 8,300kg! Uma criança de um anos pesa uns 10! Haha. Mas como ele só mama, não tem problema, porque o leite materno é saudável e esse é o biotipo dele. Ficamos só amores com essas dobrinhas todas ♡.

quinta-feira, 9 de outubro de 2014

Sobre bebês e fraldas!

Postado por Erika Gomes às 09:35 0 comentários
Olááá! Hoje decidi vir contar um pouco das nossas primeiras madrugadas e nosso (MEU) drama na hora de trocar fraldas e dar banho.
Bem...como eu contei no outro post, nos primeiros dias o Leo sempre acordava de 3 em 3 horas para mamar. Ou seja, eu também acordava de 3 em 3 horas durante a noite e madrugada. Nos primeiros dias, nossa, ficava entocada com ele no quarto! Só saía para comer, tomar banho e voltava para o quarto. Vivia morrendo -rs- de sono. Sempre que tinha a chance apagava junto com o Leo. Ele sempre acordava, mamava e já dormia de novo. Mas tiveram alguns dias que ele decidiu mudar isso um pouco, e eu ficava desesperada. Ele teve um pouco de cólicas e eu não sabia o que fazer! Chorava junto, ficava desesperada, e confesso, um pouco estressada, me sentia super culpada depois. Acho que isso tudo era babyblues (uma "tristeza" pós parto, é normal e -pelo que pesquisei- 50% a 80% das mulheres passam por isso, é causado pelos hormônios em excesso após o parto. Sentimos irritabilidade, tristeza, e causa choros, muitos..isso passa depois de alguns dias quando o corpo vai voltando ao normal). Mas esses choros dele duraram uns dois dias e passaram, mas me parecia uma eternidade. Lembro que eu pensava "meu deus eu não vou aguentar,vou explodir, não sirvo pra ser mãe". Aí me sentia uma péssima mãe e me desesperava.
O que me enlouqueceu mais ainda foram as trocas de fralda e o banho, como contei antes, o Leo chorava MUITO na hora de trocar e tirar a roupa. Ele acordava e quando eu ia fazer uma dessas duas coisas era um choro desesperador! E eu ficava doida. Me perdia inteira, demorava uns 10 minutos pra conseguir trocar ele (isso correndo), o banho era correndo e a quando colocava a fralda limpa ficava toda errada, vazava e eu, mais doida ainda! Quando estava vestindo o Leo depois do banho, ele chorava taanto que eu parava, pegava ele e acalmava pra depois continuar colocando a roupa. Agora ele ainda chora, mas só quando sai do banho (no começo era antes, durante -menos quando virava de barriga para baixo- e depois).
Eu nunca sabia a hora certa de trocar as fraldas dele e acabavam vazando por isso também. Tiveram uns dias que fiquei traumatizada mesmo com isso de fralda. Ele dormia e eu ficava pensando "ai meu deus ele vai acordar e eu vou ter que trocar a fralda SOCORRO".
Uma vez ele fez cocô dormindo e eu, desesperada pra não acordar ele e começar o berreiro, troquei a fralda dentro do berço enquanto ele dormia! Não deu certo, claro, ele acordou na metade da troca e começou o choro de sempre kk. Só durou menos.. Decidi trocar a fralda dele depois de mamar e... funcionou! Ele como já estava sem fome, não tinha aquele desespero todo de mamar, aí passou a ficar tranquilinho nas trocas.
Uma coisa nas trocas também que vivia me lascando (até agora na verdade) é quando ele decide fazer xixi logo que eu tiro a fralda debaixo dele haha. Ou pior, quando faz cocô! NOSSA! HAHA ele fez isso comigo no primeiro dia de vida! Na cama da maternidade! Me traumatizou ver aquele meconio (primeiro cocô do bebê). É pretooooo! Hahaha ainda bem que só foram três cocôs assim e depois ficou o cocô "de bebê".
Quando fomos pras fraldas P já não tive mais tantos problemas, já que "manjava" pra ele não chorar. Em compensação ele não para de mexer as pernas! Continua complicadinho de trocar, mas tranquilo. Agora com quase dois meses e na fralda M estamos com problemas de novo com fralda vazando. O Leo tem dormido da 1:30/2h até umas 8 direto. As vezes acorda mas mama na cama mesmo,uns cinco minutinhos e volta a dormir. Não coloco ele pra arrotar se não ele acorda (e às vezes ele mesmo arrota sozinho quando precisa) e pelo mesmo motivo não troco a fralda, já que agora ele também não faz mais cocô de madrugada.
Em compensação faz muuito xixi! E nem a melhor fralda que temos aqui segura! Comprei maais uma fralda diferente pra testarmos e essa surpreendeu, porque tadinho do Leo, dava dó quando ele acordava de manhã molhado até o suvaco ):
No próximo post, já que testei a maioria das fraldas que temos aqui, vou contar para vocês o que achei de cada uma! Beeijos e até o próximo post :3


sábado, 27 de setembro de 2014

Primeiro mês com meu bebê! - Minha experiência (e dificuldade) com a amamentação

Postado por Erika Gomes às 18:56 3 comentários
Olaa! Demorei um pouquinho para vir aqui no blog contar como as coisas estao por aqui, com o baby a coisa fica meio difícil né haha. Mas agora que está tudo bem tranquilo, consegui um tempinho (assim como no post anterior, enquanto ele dorme hehe).
Vim contar como tem sido nosso primeiro mês com o Leo! Decidi começar contando desde a maternidade...eu estava UM CACO! A internação foi horrível! Foram 2 dias e meio que pareceram uma eternidade! Aff, não via a hora de vir para casa. No hospital o Leo não mamava direito e dos 3,345kg que nasceu, perdeu 345g logo no primeiro dia! As enfermeiras começaram a mandar copinhos de complemento para dar pra ele de 3 em 3 horas depois de mamar. Eu não quis dar de jeito nenhum! No desespero dei das duas primeiras vezes que mandaram. Mas sempre insistindo no peito, depois que vi que ele ficou com muitos gases, joguei todo o leite artificial que mandaram depois fora. Infelizmente o auxilio que me deram na amamentação enquanto estávamos lá não foi muito bom. Eu pedia ajuda, as enfermeiras enfiavam meu peito na boca dele e saiam, não me ensinavam nada! Quando ele soltava eu não sabia colocar de volta e ele não pegava direito... quase tivemos que ficar mais um dia por lá! Passei a ultima noite lá desesperada tentando fazer ele pegar o peito, e até que no último dia ele mamou um pouquinho melhor.. eu quase chorei quando pesamos ele na manhã do último dia, mas deu tudo certo e tivemos alta! Olha que lindinho ele com a saída maternidade ♥
Quando chegamos em casa, a primeira noite foi bem complicada. Meu maior medo era ele não mamar bem, perder mais peso e precisar de complemento... meu maior sonho (e preocupação) sempre foi poder amamentar ele exclusivamente até os seis meses. Uma meia hora depois que entramos em casa, ele acordou! E eu morrendo de medo fui tentar dar o peito, ele ficou uns 10 minutinhos, soltou e dormiu! Me desesperei e na hora pedi pro Matheus comprar uma bombinha para mim na farmácia, se fosse pra dar mamadeira, seria do meu próprio leite! 

Logo que ele voltou, o Leo acordou de novo, tentei dar o peito mais uma vez e YAY, ele pegou pra valer. Ficou mais de meia hora mamando, fiquei super feliz! Ele dormiu de novo e começou a acordar de três em três horas para mamar. 

Durante a gravidez eu não me preocupei muito em preparar os seios para amamentar. Vivia vendo pessoas dando dicas de passar bucha de banho e etc. Mas me dava aflição! Só nos últimos meses que usei pomada de lanolina para hidratar. Mas não adiantou muito. Do lado esquero o Leo mamava super bem, mas o direito parecia ficar mais cheio que o outro, e ele pegava errado, eu cheguei a chorar para dar esse peito para ele! Sentia muita dor, principalmente na hora que ele começava a mamar, puxava forte e doía muuito! Sentia a dor descer pelo braço até o cotovelo (sério!).

Quando o Leo tinha uns 8 dias fomos num retorno na maternidade. Eles marcam essa "consulta" para ver quanto peso ele ganhou desde o nascimento, tirar dúvidas e ensinar a fazer a "pega" correta na hora de amamentar. Nesse dia sim que me ajudaram! Aprendi que, quando o seio está muito cheio o bebê não consegue pegar direito e machuca (exatamente o que acontecia comigo). Me ensinaram a esvaziar um pouco antes dele mamar etc. A enfermeira que deu essa "aulinha" era um amor! Tinha mulheres sofrendo MUITO para amamentar e ela ajudou uma por uma, tirando duvidas e acabando com aqueles mitos "de vó". Por exemplo: mamar 15 minutos em cada peito, beber cerveja preta (ou comer milhares de coisas feitas com leite) para produzir mais leite, entre outros. Uma frase que ela disse e acho que nunca vou esquecer: "leite não faz leite". Não adianta se entupir de canjica e não se alimentar direito!

Pesaram bebê por bebê e supresa! Leo recuperou o peso do nascimento! Fiquei super feliz e encorajada a continuar amamentando, mesmo morreeeeendo de dor! Voltei a usar lanolina e me empenhei em colocar ele certinho para mamar. Meu mamilo direito não chegou a sangrar, mas ficou com uma ferida grande no canto, parecia que faltava um pedaço (chorei). Mas eu fui insistindo em dar, gritando, chorando, me torcendo toda, mas dei! 

Foi melhorando e agora está quase 100%, ainda dói um pouquinho mas nada se compara como nos primeiro dias. 

Mesmo com todas as dores e medos da amamentação, hoje sempre que vejo alguma recém mãe como eu pensando em desistir incentivo ao máximo! Sei que existem casos de real necessidade de complemento, mas enquanto ha a possibilidade de amamentar, é com certeza o melhor a fazer!

Hoje o Leo está com 50 dias, pesando 6kg, mamando apenas no peito! Não tem nada mais satisfatório que isso, ver que MEU leite é o suficiente para o MEU bebê! Que ele é saudável e forte graças a MIM! Nada paga isso, nem o leite artifical mais top de todos, nenhuma latinha dessas pode trazer um vínculo tão grande quanto o da amamentação! ♥ 

Fica uma foto do meu gordinho pra vocês, eu ia fazer um post só para falar sobre tudo, mas decidi focar na parte da amamentação em um só, fiquei tão feliz que ele tem ganhado peso bem que precisei falar só disso e de como tem sido importante para mim! Beijoss e até o próximo post, que será a segunda parte do primeiro mês hihi. *: 


sexta-feira, 12 de setembro de 2014

Fotos que quero tirar com meu bebê!

Postado por Erika Gomes às 09:03 0 comentários
Foto de bebê é a coisa mais linda né gente! Tão fofinhos e pequenininhos *-*. Sempre que vejo uma foto legal com bebês fico imaginando o quanto quero registrar o máximo possível as coisas com o Leo. Afinal, como todos dizem, eles crescem tão rápido né... Separei algumas idéias que me inspiraram e que com certeza vou querer ter fotinhos assim dele, preparem-se para babar horrores com esses bebês tão fofos!

Mês a mês! 
Acho um dos mais bonitos dos registros do crescimento do bebê! E também que é o registro com mais opções, uma mais fofa que a outra!



Adoro esses bodys com números, também fica legal fazer com plaquinhas!


Fotos externas!
As que acho mais bonitas são essas na grama, em parques etc. Podem ser apenas do bebê, com os pais, irmãos, cachorro...uma graça!




Detalhes!
Quem não ama perninhas gordinhas de neném? E os pézinhos, mãozinhas...? É tudo tão pequeno, delicado e fofo, vale registrar cada um.





Essa com as alianças dos pais nos dedinhos é linda! E uma opção bem diferente para fazer foto de pezinhos *-*.

Dia a dia!
Fotos dele dormindo, trocando fraldas, tomando banho, da primeira papinha, com o papai, são além de fofas, registros para a vida toda! Chegam a ser até mais legais que as de estúdio, já que são tiradas por você mesmo, sem contar que tem um valor sentimental muito grande. *-*






E essa cheio de beijinhos da mamãe? Uma fofura só!!

Bom, por enquanto é isso! Quando fizer as minhas com o Leo com certeza postarei aqui *-*. Acompanhem também a página do blog, se eu achar mais fotos compartilho com vocês por lá também! 
Espero que tenham gostado dessas lindezas, beijinhos e até o próximo post. 


PS: todas as fotos foram retiradas do Google! Se souber de quem é alguma dessas fotos pode deixar nos comentários e credito devidamente (:



domingo, 7 de setembro de 2014

Meu Relato de Parto!

Postado por Erika Gomes às 17:37 2 comentários
Finalmente vim falar sobre o mais polêmico assunto da gravidez: o parto! Quem não morre de medo da dor de parto? Sempre tem aquela história trágica da tia da prima da amiga da vizinha, aquela pressão toda de parto normal ou cesária, a avó dizendo que teve tantos filhos em casa, e sempre alguém (tipo minha mãe) dizendo que dói muito e que quer ver você aguentar... Resumindo, sempre tem algo ou alguém pra nos assustar e desesperar sobre o assunto parto!

Desde o começo eu fui diferente de muitas pessoas que conheço, dei preferência pro parto normal, queria o mais natural possível, morro de medo de cirurgias e me daria muito mal com o pós operatório de cesária, só de pensar em todos aqueles pontos me dá aflição!... Mas como contei no diário de gravidez, não pude ter meu parto em uma Casa de Parto por causa do Streptococcus Positivo né.. aí a maior preocupação passou a ser o medo das intervenções do hospital, violência obstétrica, sorinho etc... Mas vamos ao relato que explico melhor!

No dia 06/08, com 40 semanas e 5 dias, eu tive consulta de pré natal, não dormi nada aquela madrugada, preocupada achando que a médica ia me mandar para induzir o parto, e estava sentindo muitas pontadas e incômodos. Eu estava sentindo isso a bastante tempo, mas aquela noite estavam mais frequentes, mas ignorei porque todas as vezes não era nada demais, acho que já tinha desanimado um pouco. Na útima vez que tinha ido em consulta, estava com 2cm de dilatação, só! Fui virada para a consulta, e as dorzinhas incomodando cada vez mais, anotei algumas que vinham de 10 em 10 minutos, mas depois perdiam ritmo... Quando foram umas 10h (eu estava lá desde as 8!) a médica me chamou, fez um exame de toque e eu tinha 3cm!! Ela descolou minha bolsa (sem me perguntar, mas ok né, já tinha ido e eu nem senti..) e disse "ah, eu 'descolei' sua bolsa ta? (Na hora eu ouvi "estourei" kkk) Agora é só esperar e ir pro hospital quando a dor ficar forte"Fiquei doida! Liguei para o Matheus e combinamos que quando as dores estivessem punk mesmo aí sim ele iria para casa para irmos pra maternidade. Eu nunca quis ir direto pra maternidade logo que sentisse dores, porque já sabia que iam querer acelerar ao máximo o parto, então decidi que ficaria o máximo possível de tempo em casa aguentando..

quarta-feira, 27 de agosto de 2014

Diário de Gravidez: As útimas semanas e porque sumi do blog

Postado por Erika Gomes às 07:16 3 comentários
Oláá! Sumi do blog e não atualizei com a semana mais importante, a última!
Fiquei sem internet em casa e pelo celular é uma droga para conseguir postar aqui, acabei deixando passar demais...
LEO NASCEU! (e está dormindo, por isso aqui estou eu haha). Claro né, tanto tempo que já passou, quase um mês da última vez que postei aqui e tanta coisa aconteceu... Reservei esse post para falar apenas das últimas semanas, os posts sobre o parto e sobre o Leo virão depois, calminha, rs.

Lembro que quando cheguei nas 39 semanas, tive consulta de pré natal e a médica disse "dessa próxima semana não passa", estava com 2cm de dilatação. Uns dois dias depois comecei a sentir uns desconfortos, fomos pra maternidade achando que já ia nascer...que nada! Passei pela triagem lá, falei como eram as dores, tipo uma cólica de menstruação sabe... O Matheus tava competindo com a minha mãe pra ver quem tava mais nervoso achando que já íamos ficar por lá haha. Mas quando eu passei com a médica, nadinha! O Leo estava virado, encaixado, mas ainda alto, e os mesmos 2cm de dilatação (eles só internam a partir de 4)... Voltamos pra casa!
Eu estava super desesperada, porque estava com quase 40 semanas, ia ter consulta de novo e a médica já tinha dito que se eu chegasse na próxima do mesmo jeito ia me mandar para a maternidade (para indução com ocitocina sintética, que dói, muito...)

Durante essas últimas semanas, o que também me preocupava muito era a história de qual maternidade eu iria, já que não poderia ir para a casa de parto.. Tinha duas opções, a Maternidade de Vila Nova Cachoeirinha (que é um pouco longe da minha casa mas sempre falavam muito bem...) e o Amparo Maternal, que é mais longe ainda da minha casa (eu não posso facilitar nada haha) mas lá eles são super adeptos do parto mais natural possível, então para mim já bastava. O problema era: e na hora de correr pro hospital? Ia dar tempo de chegar? Isso preocupava muito...

Procurando "indicações" sobre essas maternidades por grupos no Facebook, conheci pessoas que me ajudaram MUITO! Uma delas foi a Maiara, que me passou o contato de uma doula, a Silvia, a qual enchi a caixa de entrada do e-mail com dúvidas haha. Ela me ajudou muito! Como eu queria ter procurado uma doula no começo da gravidez! Mesmo com a "ajuda" da internet nós temos muitas dúvidas e medos, isso um texto da internet não consegue aliviar tanto quanto uma pessoa conversando com você, te entendendo... A Silvia me fez uma visita no dia que fiz 40 semanas, me ensinou uns exercícios para ajudar na dilatação, a respirar corretamente na hora de fazer força no parto, foi um anjo! Eu comecei a fazer uma caminhada que ela me ensinou todos os dias, minhas pernas já estavam pedindo arrego! Kk

quinta-feira, 17 de julho de 2014

Diário de Gravidez: 37 semanas - Como estou me sentindo e a organização para a maternidade.

Postado por Erika Gomes às 16:58 1 comentários
Hoje o post é coisa séria! Acho que o Leo não está querendo esperar Agosto não...haha.
Gente sério, minhas noites já tem sido bem complicadas, barriga cada vez maior, agora fico com bastante falta de ar. Tenho certeza que ele já está na posição cefálica (de cabeça para baixo), aí ele dá uns chutinhos nas minhas costelas que olha..dói.

Isso tudo tem me deixado mais ansiosa ainda, minha barriga deu uma mega espichada essas ultimas semanas, tenho engordado mais ou menos meio kg por semana! :O Olhem só minhas "barrigas" haha.
16 semanas, 22 semanas e 37 semanas!




Tinha planejado ter o Leo num parto natural e sem intervenções médicas numa casa de parto. Mas para poder ter meu parto lá, um exame que eu fiz com 36 semanas (de detecção da bactéria streptococcus agalactiae) teria que ser negativo, mas essa semana peguei o resultado e: positivo! A bactéria em si, não faz nenhum mal para mim nem para o bebê quando ele ainda está dentro da barriga, ela se encontra no nosso organismo naturalmente. Uma entre três grávidas tem essa bactéria colonizada no canal de parto (dei o azar). Quando o bebê nasce, o contato com essa bactéria faz ele correr o risco de ter uma infecção, ou pneumonia, o que em um bebê que acabou de nascer é extremamente perigoso. Vou precisar ir para a maternidade e tomar um antibiótico durante o parto porque na casa de parto eles não tem esse medicamento que só pode ser tomado direto na veia, não tem como fazer o tratamento antes do bebê nascer. Fiquei bem chateada por não poder mais ter o meu parto no lugar que eu tanto queria, e agora estou com bastante medo do parto normal no hospital...

quinta-feira, 3 de julho de 2014

Diário de gravidez: 35 semanas e como foi o chá de fraldas

Postado por Erika Gomes às 17:33 3 comentários
Oláá, eu como sempre atrasadinha, vim contar o que tem acontecido ultimamente rs.
Duas semanas atrás fizemos o chá de fraldas do Leo. Foi tudo suuuper corrido e cansativo, mas deu super certo e veio bastante gente (: A decoração foi bem simples mas bem azul. Nós quase não tiramos fotos, porque como eu disse foi bem corrido, e eu fiquei de um lado para outro o tempo todo. O pessoal começou a chegar bem no horário (umas 15h) e o chá foi até umas 20h, que foi quando a maior parte das pessoas foi embora, mas até as 23h tinha amiga minha aqui haha (mesmo sendo vizinha conta sim rs). Durante o chá nós deixamos um bodyzinho azul em cima da mesa pra todos os tios e tias assinarem, ficou uma graça, vamos colocar num quadrinho no quarto depois. 



O bolo e os docinhos eu fiz com a minha mãe, aí colocamos essas mamadeirinhas fofas em cima do bolo, elas eram de açúcar mas ninguém conseguia comer elas pq eram bem duras haha. As lembrancinhas também nós que fizemos aqui, comprei as mamadeirinhas vazias e enchi com docinhos e colei o laço e o adesivinho rs.

 Não teve aquelas brincadeiras de chá de bebê, mais por eu não saber mesmo essas brincadeiras haha, aí ninguem sugeriu nada e ficou por isso mesmo.
Mas foi até bom não ter brincadeiras, acho que os homens iam ficar meio sem graça, já que não foi um chá só para mulheres né. 
E eu que fiquei por semanas super preocupada achando que não ia dar certo, fiquei super aliviada, foi muito legal ter todos aqui, muitos que eu não via fazia muito tempo, me deixou super feliz :3.

E os titios adorando o barrigão de bexiga do Matheus haha. 

Pela minha cara na foto acho que da pra perceber o quanto eu tenho vergonha de tirar fotos assim, ainda mais com o número de pessoas que estavam atrás dessa câmera! Haha. Mas tinha que registrar né.  



E esses foram os presentes ♥. Como o Leo ganhou MUITA roupa, todos trouxeram fraldas e algumas coisinhas de higiene também, e gente, como coisinha de neném é cheirosa! Quando abro a porta do quarto já vem aquele cheirinho *-*. Ganhamos fraldas RN, P e M, não sei bem porque mas acabei não pedindo G haha. E já essas vão durar bastante tempo (dependendo também do tamanho que o Leo nascer..).


Agora nosso foco está em terminar o quarto, coisa que também está SUPER atrasada, rs. Mas como o chá, vai dar certo. Enquanto isso torcemos pro Leo continuar quietinho aqui na barriga e vir na hora combinada! Agora com 35 semanas (dia 6 fazemos 36) o espaço tá bem menor, e ele se mexe menos, mas em compensação quando mexe, é com bem mais força, e minhas costelas que agradecem kk. 

Logo logo venho contar como estão os preparativos para o parto! Já que não pretendo ter ele no hospital...mas isso fica para a próxima. Beijinhos e prometo aparecer mais por aqui! 

quinta-feira, 5 de junho de 2014

Diário de gravidez: 30 semanas e chá de bebê

Postado por Erika Gomes às 23:10 0 comentários
Oláá! (:
Quando comecei a escrever aqui, eu quis contar como tudo foi desde o começo, aí acabei atrasando um pouco as coisas mais "atuais". Ultimamente a correria aqui em casa é grande, algumas coisas atrasaram e eu estou super ansiosa, nervosa, com medo do Leo chegar e nada estar pronto...! Decidi então resumir um pouco as coisas mais importantes no post anterior e vim falar sobre como estão sendo essas ultimas 10 semanas!

Passa muito rápido! Parece que foi ontem que descobri que tinha um bebê do tamanho de um feijãozinho aqui dentro, e agora ele já está bem grandinho, se movendo aqui dentro (e como chuta!) e deixando todos ansiosos aqui em casa.

Ha algumas semanas, eu comprei algumas roupas para o Leo, ganhamos muuuitas roupinhas da mãe do Matheus (como eu disse ele tem um irmão pequeno etc) e o berço também. Aí acabei mesmo comprando algumas coisas que eram mais necessárias e tudo mais, mesmo assim faltam coisas! Eu estava pensando sobre fazer um vídeo mostrando as coisinhas dele (o que acham?). 
Agora que fiz 32 semanas, ou seja, entrei no oitavo mês, minha barriga deu uma espichada, mesmo assim não engordei muito, 5kg desde o começo da gravidez, pra ser mais exata.

Temos organizado o chá de fraldas, que vai também ser uma mistura de chá bar, para não ser um evento só para mulheres rs. Quase desisti, tenho ficado bem cansada e com muuitas dores nas costas, mal posso esperar pra passar de novo com a minha médica, nada que eu faço pra essas dores tem adiantado ): 


O Leo tem chutado demaais! Principalmente de noite. Também não tenho conseguido dormir muito bem. Fico acordada até super tarde e acordo super cedo, pra ir no banheiro, sempre haha. Agora preciso lavar as roupinhas do Leo, comprar luvinhas, fraldinhas, as malas da maternidade, a saída de maternidade...ufa! E com certeza ainda deve ter mais coisa kk.

Enfim, manterei aqui atualizado o máximo possível nessas próximas semanas! Ainda mais agora que tido fica super imprevisível né.  Por enquanto é isso, logo logo trarei novidades para cá! 

Diário de Gravidez: Descobrindo o sexo do bebê e Morfológica

Postado por Erika Gomes às 20:53 0 comentários
Oi gente! Bom, fiquei meio longe do blog e muuita coisa aconteceu! Pretendo falar de tudo que tem acontecido nos próximos posts, se não vai ser muita coisa de uma vez né, rs. Aqui vou falar de um assunto um pouquinho atrasado mas que eu acho que não poderia falar da gravidez sem contar disso.
Quando comecei os posts do Diário de Gravidez, eu já sabia que era um menino e tudo mais, mas nesse post vim contar para vocês como foi a descoberta!

Nós descobrimos com 19 semanas de gravidez. Logo no começo do pré-natal, minha médica me pediu ultrassom, e eu fui tentar marcar pelo SUS (na época eu estava com 6 semanas). A mulher me disse que teria que ficar na lista de espera e tudo mais e eu decidi esperar mesmo. Acabei conseguindo o ultra só para março! Pensei até em marcar particular, mas aí já estava tão perto que fui no SUS mesmo, rs. Chegou março, eu já com 19 semanas, fui fazer o bendito exame num hospital que eu nem fazia ideia de como chegar, e deu o maior rolo para chegar lá kk.

Quando eu finalmente fui atendida, o médico começou o exame (com aquele gelzinho gelaaado!) e não falou nada! Durante todo o exame ele ficou lá, quieto, só olhando aquela tela, da qual eu não conseguia enxergar nada porque ele virou o aparelho todo para si (chato!). Já no finzinho do exame, eu não aguentava mais de ansiedade, quando decidi perguntar se dava para ver o sexo, o médico -sem nem olhar para mim- falou "É homem...vocês já sabiam?" OI??? Na hora o meu coração disparou! Olhei pro Matheus e ele tava todo bobo, amou a notícia né. Já saímos de lá contando a novidade pra todo mundo e ele já foi combinando de pegar roupinhas com a mãe dele (o irmão mais novo dele tem um ano).
Só não tenho fotos desse exame porque ficaram horríveis, não dá para ver nadinha do bebê ):

Na semana seguinte (com 20 semanas) minha médica me deu o pedido do melhor ultrassom de todos da gravidez, o Morfológico. É um exame todo detalhado para ver se o bebê tem alguma malformação, olha todos os órgãos, coluna etc. Marquei o exame, e fiz com 22 semanas.

Esse foi perfeitinho! A médica foi super atenciosa, mostrou tuudo, desde o lábio superior, coluna, órgãos, ossinhos, mãos, pés, contamos os dedinhos dele, e confirmamos que é menino haha. No final ganhei um DVD com a gravação do exame, ela me entregou o laudo e as imagens, são váárias fotinhos que saíram fofas demais, mas a favorita é essa:

Ele com a mãozinha na boca todo fofo! Minha GO disse que ele tem um perfil lindo, puxou a mãe haha. E gente do céu como ele mexeu durante esse exame! No começo do vídeo dá até pra ver ele se esticando todo. E não tem coisa melhor do que ouvir o coraçãozinho do bebê *-* Em todas minhas consultas me derreto toda na hora de ouvir kk. Acho que é coisa de mamãe de primeira viagem, não sei, mas é muito lindo!


Espero que tenham gostado do post atrasadinho, rs. Em breve venho contar um pouco para vocês sobre o que estamos preparando para a chegada do Leleo. Quarto, chá de fraldas, roupinhas e todas essas coisas (que também estão meio atrasadinhas haha). Beijinhos :3

sábado, 3 de maio de 2014

Inspiração: Decoração com lousa

Postado por Erika Gomes às 16:01 3 comentários
Oi gente! Hoje vim falar sobre decoração. Ultimamente tenho visto várias coisinhas diferentes por causa do quarto que estamos reformando para a chegada do Leonardo e tudo mais. Faz bastante tempo até, eu tinha visto algumas idéias diferentes com essa "tinta lousa" e fiquei apaixonada! Uma pena é que uma coisa dessas no meu quarto ia me matar! Tenho renite alérgica então poeira de giz por todo canto não ia dar muito certo :/. Haha.


Mas esse tipo de decoração não precisa se limitar apenas ao quarto, fica super criativo em outros cômodos da casa, como na cozinha, escritório, hall e até mesmo no banheiro (!).




 Esse lavabo ficou incrível, sem contar que esse acrílico com giz dentro acaba deixando a decoração ainda mais colorida e diferente!

 Em estantes, armários e na porta são opções bem legais e acabam deixando a ideia de decoração com a lousa mais original ainda.



 Também é possível fazer esse tipo de lousa com outras cores além do preto/verde comum, de preferência escuras, para que o giz apareça bem.

OLHA ESSA PORTA ROSA QUE AMOR!!


 E tem a opção super fofa de quadrinhos de lousa ou pequenos painéis feitos com a tinta na parede, achei bem bacana porque a possibilidade de trocar eles é maior, sem contar que são até mais práticos do que fazer uma pintura toda nova em uma parede.



quarta-feira, 30 de abril de 2014

Resenha! Caneta Removedora de Maquiagem Océane Femme

Postado por Erika Gomes às 21:25 4 comentários
Oi gente! Hoje eu estava aqui milagrosamente me maquiando e acabei encontrando no meio das minhas coisas essa caneta removedora da Océane Femme. Faz um tempinho que eu a comprei, mas usei apenas algumas vezes para tirar borrões de sombra e ficou meio paradinha aqui. Mas hoje fui me aventurar com o delineador e ela ajudou e muito com aquelas pontinhas!





Não tem segredo para usar: quando você errar/borrar alguma parte da make, é só dar uma agitadinha na caneta e passar essa pontinha na parte que quer arrumar. Essa pontinha absorve muito bem a maquiagem e (com o que eu testei) tira tudo direitinho, e no meu caso, mesmo passando próximo ao olho não irritou nadinha a pele.


O único ponto um pouquinho complicado nela é que por exatamente super absorver o produto, se você passa a caneta de novo meio "suja" no rosto ela pode borrar um pouquinho, aí é preciso ter um pouco mais de cuidado. E exatamente por sujar rápido e etc, ela vem com mais três pontinhas de refil caso seja necessário trocar, eu só tenho mais duas, rs.


Achei a canetinha super prática e ótima para deixar na bolsa - até nas menores- para retocar a maquiagem. Eu paguei R$10,65 nela, vale super a pena! E aí o que acharam? Deixem seus comentários, vou adorar s2.

domingo, 27 de abril de 2014

Nos cabelos: Yamasterol!

Postado por Erika Gomes às 19:50 1 comentários
Hoje vim contar para vocês sobre aquele creme baratinho que promete milagres, o Yamasterol. Por alguns ele é bem conhecido, por outros já nem tanto, ele faz bem o tipo de creme que a gente passa direto por ele na perfumaria/farmácia, tem uma embalagem bem simples e pelo preço, nunca imaginaríamos que ele pode fazer tantos milagres!

Ele é denominado como CREME MULTIFUNCIONAL, ou seja, pode ser utilizado como: creme para pentear, protetor térmico, condicionador, máscara para hidratação e até protetor para os cabelos em banhos de mar ou piscina. Tudo isso por menos de R$5,00!! E exatamente por isso que é tão "ignorado", porque todo mundo acha que creme bom é creme caro, e não é bem assim.


Acho que o único "contra" do Yamasterol é que ele é meio difícil de ser encontrado /: . Mas eu dou a sorte de sempre ter na farmácia que eu compro! Haha. E mesmo assim, só encontro uma das 3 versões que são:
-O branco, com proteína hidrolisada para cabelos secos ou quimicamente tratados
-O dourado, com óleo de argan e macadâmia, para todos os tipos de cabelo
-O amarelo (é o que eu uso) que tem D-Pantenol (Bepantol/Vitamina B5) e Babosa (Aloe Vera), também para todos os tipos de cabelo.

Eu uso o Yamasterol bem pouco quando puro, prefiro fazer misturas com ele para hidratações, mas puro, como condicionador ele é muito bom também. A mistura mais comum dele é a com o Bepantol, que foi teoricamente a que eu fiz para o post, mas com uma diferença: eu usei uma ampola de vitamina B5 que encontrei perdida pela casa e decidi usar (já que o Bepantol é vitamina B5, rs)
Essas ampolinhas também são ótimas e bem baratinhas, nessa eu paguei R$0,50!


A mistura fica meio líquida, há quem prefere colocar mais algum outro hidratante mais grosso junto, que aí já não pode ser qualquer um.
Infelizmente não tirei foto do resultado, deixei a mistura no cabelo por uns 30 minutos e depois enxaguei. Deixei secar naturalmente e percebi que as pontinhas loiras do meu cabelo, que estão bem acabadinhas ficaram "menos piores" rs. E agora meu cabelo também tem formado uns cachinhos! Espero conseguir desapegar da chapinha logo!

Bom, as misturas com Yamasterol são infinitas, cada uma de acordo com a necessidade de cada cabelo. As opções de ampolas também são muito grandes e por serem bem baratinhas, dá e muito bem para deixar o cabelo super saudável sem gastar nem R$10,00!

Espero que tenham gostado e que a dica sirva bem. Quem testar ou conhecer outra receitinha deixe nos comentários que vou adorar conhecer ^^. Beijinhos!

Diário de Gravidez: Pré-Natal e primeira roupinha

Postado por Erika Gomes às 17:48 0 comentários
Oláá! Hoje vim postar minha segunda parte do diário de gravidez. No último post eu falei sobre como descobri a gravidez, e hoje vim falar sobre como foi (chato) o começo do pré-natal e sobre roupinhaas s2.

Depois de confirmar a gravidez, eu voltei lá no posto e marquei a primeira consulta do pré-natal. Socorro, como é cansativo isso! Você tem que chegar lá 8 da manhã, pra ser atendida lá pras 11h. Eles atendem as mulheres que estão de mais tempo primeiro, então, eu com 7 semanas já viu né, mas enfim, é o SUS... A minha primeira consulta foi bem chata, a médica ficou falando o quanto era irresponsável engravidar agora, e que tudo que eu sentia era normal (como se eu não soubesse)... Enfim, achei que não ia aguentar a médica, que bom que isso foi mudando depois haha. Ela me mandou fazer o que eu menos queria e conseguia, que era comer. Eu nunca comi bem, sempre fui das besteiras, e com a gravidez, fiquei mais chata ainda para isso, mas aí eu passava mal, quase desmaiava mesmo, e não conseguia trabalhar direito porque né, não conseguia nem ficar de pé!

Sem contar que nessa época, estava aquele calor horrível, então juntava tudo... Mas eu fui tomando as vitaminas (ferro e ácido fólico) direitinho, ou o máximo que eu conseguia, quando lembrava, e fui melhorando em relação a isso de comer. Mas nisso, eu já tinha perdido quase 5kg! Fiquei até impressionada de no meu exame de sangue estar tudo ok, na verdade eu estava com falta de vitamina D, mas pra quem não comia nada né..

Logo depois de eu começar o pré natal, eu estava com a minha mãe na rua, perto de casa e entramos em uma lojinha de roupas de bebê. Ficamos lá babando em tuuudo já planejando as coisinhas para o bebê que ainda nem sabíamos se era menino ou menina, rs. E é claro que minha mãe não ia sair de lá sem nada né haha. Ela comprou um par de sapatinhos vermelhos, tipo um parzinho de meias, para dar sorte, são tão pequenininhos e fofos! *-* Ela pediu para embrulhar para presente e demos para o Matheus quando ele chegou na minha casa.

Minha mãe e o Matheus queriam MUITO que fosse um menino! Sempre que íamos em loja de bebê só olhávamos coisas de menino kk, parecia que já estavam sentindo. Na hora de pensar em nomes, o Matheus escolheu o de menino e eu, o de menina. Seria Alice ou Leonardo, e mais tarde veio a dúvida: Leonardo ou Thiago, mas nos acostumamos tanto com Leonardo que vai acabar sendo esse mesmo. Depois de umas semanas, fui no mercado com a minha mãe, que tem OUTRA loja de bebê! E ela me deu esse body verde, super fofinho e de vó coruja haha.

E pelos meus passeios diários por lojas online, que deixaram de ser buscando sapatos e sim roupas de bebê, encontrei esse macacão super fofo no Aliexpress! Na hora comprei haha. Ele chegou super rápido, em uns 20 dias, e é muito fofo s2. Ele é fininho, mas é super bem feitinho, as orelhinhas da girafa são tipo um cordãozinho. Esse eu comprei um pouco maior, tamanho 4-6 meses.


Aliás, no Aliexpress vale super a pena comprar coisinhas de bebê! Tenho três encomendas para receber nesse próximo mês. Comprei duas mantas lá (uma da Carter's) e um casaquinho de pelinhos (que também dizia ser da Carter's). Tudo por uns R$110,00 (e alguns centavos, rs)! Mass, sobre isso pretendo falar em um próximo post... 
Por enquanto é isso! Estou planejando umas coisinhas para mostrar as roupinhas que ganhamos para o bebê, mas para isso, quero esperar essas que eu mencionei chegarem :/. E parece que não vão chegar nunca! Esses correios são complicados viu. 
Até a próxima e beijinhos! (meus e do Léo!)




quinta-feira, 24 de abril de 2014

Diário de Gravidez: Sobre o começo

Postado por Erika Gomes às 18:58 3 comentários
Bom, decidi fazer o primeiro post do meu "Diário de Gravidez", que não é bem um diário porque né, só comecei com ele agora :c. Enfim, esse pequeno detalhe à parte, hoje decidi contar como foi descobrir a gravidez e sobre meu primeiro ultrassom.

Primeiro, quando eu comecei a desconfiar que estava grávida... A coisa toda começou em novembro do ano passado. Eu sou bem desligada com essas coisas de remédio e etc, nunca fui de tomar certinho, às vezes esquecia e etc. E em uma dessas vezes, meu anticoncepcional acabou, passou aquela pausa de 7 dias, mas eu, a inteligência em pessoa, esqueci de comprar outra cartela. E como a gente seeempre acha que só acontece na família dos outros né, foi passando...
Quando chegou em dezembro, já na metade do mês, eu fiquei me perguntando "ué, não era pra ter descido?" e não lembrava se ainda viria, se já tinha passado, ou se tinha vindo e eu não lembrava.. Só contei isso para o meu namorido e para uma amiga do trabalho, ele ficou insistindo que eu fizesse o teste, e eu com medo, fiquei enrolando, mas conversei com essa amiga e ela foi comigo na farmácia olhar os preços e fui tomando coragem. Voltei na farmácia no mesmo dia, no meu horário de almoço e fiz o teste um pouco antes de voltar pra loja, como tinha que esperar 5 minutos, deixei ele no bolso enroladinho num papel. Quando cheguei na loja, fui no estoque, peguei, e tava lá, positivo. FIQUEI DESESPERADA!!! Corri pra mandar uma mensagem pro Matheus, meu namorido (que não estava em São Paulo naquela semana!) e ele ficou mais desesperado ainda!

Decidi fazer outro teste, e de novo...positivo. Conversei com o Matheus, porque até então, minha mãe não sabia de nada, e decidimos que contaríamos na semana seguinte, quando ele voltasse. Mas nisso, eu tive um sangramento, pequeno, mas já achei que talvez os testes tivessem dado um falso positivo. Eu estava com tanta dúvida e medo, que não aguentei esperar ele e decidi para a minha mãe que estava desconfiada, mas tinha tido um sangramento, enfim, a história toda. Saímos na mesma hora, meia noite, fomos na farmácia comprar outro teste, que deveria ser feito com a urina da manhã. E no dia seguinte: POSITIVO DE NOVO. Aí ela já ficou toda feliz, claro que falou que eu sou muito nova e etc, mas no fim amou, ela sempre foi de pedir netos para o meu irmão e para mim. Ela me levou no posto no mesmo dia para tentar fazer um teste e, se fosse o caso, marcar pré natal, mas eles tem uns dias específicos pra coleta e teríamos que voltar só na semana seguinte.

Quando o Matheus veio para a minha casa, no dia seguinte nós fomos no hospital e a médica falou que meu útero estava fechado e pediu um ultrassom. O médico que fez o exame foi super grosseiro, quando eu disse que só tinha feito os testes de farmácia ele falou "é, o teste as vezes pode dar errado", - mas eu já tinha certeza da gravidez, ele dizer isso me irritou bastante- e começou o exame. Nem um minuto depois, ouvi um barulhinho e ele disse "olha, o coração do seu bebê". Na hora quase deu pra ouvir o meu! Meu desespero todo foi embora ao ver aquele feijãozinho na tela, o meu bebê! Descobrimos que eu estava de 6 semanas (um mês) e que a causa do sangramento era um descolamento de placenta, comum no começo da gravidez, mas perigoso. Acho que porque eu faço muito esforço no trabalho, fico o dia todo de pé e subindo escadas etc, fiquei uma semana de repouso e voltei para fazer outro ultrassom. O descolamento melhorou e nosso feijãozinho (foi o apelido do Léo até descobrirmos o sexo kk) estava bem, seguro e já sendo muito amado!

E essa foi a primeira fotinho do Léo. Olha que coisa pequenininha!! Parecia um feijãozinho mesmo haha.


É isso por enquanto, pretendo postar aos poucos porque não dá pra resumir quase 7 meses em um único post né. Nem eu acho que aguentaria escrever tanto, rs. Enfim, espero que tenham gostado (:

 

Vivendo Para Dois Copyright © 2012 Design by Antonia Sundrani Vinte e poucos